CHAMADAS PARA PUBLICAÇÕES

Revista Inter-legere (RIL) - Dossiê Sociologia Digital

inter legere ril

Com o advento das novas tecnologias de informação e comunicação, passamos a viver em uma sociedade em que a conexão mediada por dispositivos em rede se tornou parte do cotidiano, passando a reconfigurar as relações sociais em todos os âmbitos. Nesse sentido, nos últimos anos, diversos autores vêm buscando compreender as reconfigurações sociais a partir das transformações tecnológicas de grande alcance que modificam tanto a estrutura das sociedades como a consciência mesma do ser humano. Nesse contexto surge o debate acerca da Sociologia Digital, que é um subcampo da sociologia que se concentra em estudar como as novas tecnologias de informação e comunicação impactam os diversos aspectos da vida em sociedade, bem como a próprio ofício da sociologia, tanto em termos teóricos bem como metodológicos É dessas mudanças sociais que trata o Dossiê “Sociologia Digital”. A partir de diversos recortes, incentivamos análises de cunho bibliográfico e empírico dedicadas aos caminhos, avanços e limites teórico-analíticos e metodológicos que vêm estruturando o debate brasileiro e internacional sobre a sociedade em rede. Dessa forma, serão aceitos artigos baseados nos quatro aspectos que representam as preocupações da Sociologia Digital:

 

a) prática profissional digitalizada: análises do uso de ferramentas digitais para propósitos profissionais no campo das ciências sociais;
b) análise de dados digitais: o uso de dados digitais para investigações qualitativas e quantitativas;
c) análises sociológicas de uso de mídias digitais: pesquisas sobre o impactos das mídias e redes sociais digitais para o comportamento dos atores sociais; e,
d) sociologia digital crítica: análises das mídias digitais com base nas teorias sociais.

A ideia é fomentar o debate acerca das tecnologias digitais enquanto métodos digitais de pesquisa e ferramenta metodológica, técnica interpretativa ou prática investigativa sobre as comunidades e redes sociais digitais apropriadas por uma análise investigativa no/do ciberespaço, e com trabalhos que reflitam acerca das ferramentas de extração e análise de dados digitais.

Prazo limite para submissão: 10 de dezembro de 2018.